Sem a presença garantida de Neymar, o Brasil inicia nesta sexta-feira a longa caminhada do sonho para conquistar a sexta Copa do Mundo, na estreia das Eliminatórias sul-americanas contra a frágil Bolívia em São Paulo. Os comandados de Tite entram em campo, sem a presença da torcida devido à pandemia do coronavírus, no estádio Neo Química Arena, às 21h30. A partida deveria ter acontecido em março, na Arena de Pernambuco, mas a Covid-19 provocou o adiamento de vários eventos esportivos.

E quando tudo parecia relativamente tranquilo para a estreia, Neymar deixou o treino de quarta-feira da Seleção com dores na região lombar e virou dúvida para o confronto com os bolivianos. “É um problema de saúde que não está completamente resolvido”, disse o técnico Tite. O atacante apresentou uma pequena melhora nesta quinta, mas ainda será reavaliado.

O eventual desfalque do astro de 28 anos aumentaria a responsabilidade do trio Philippe Coutinho, Everton ‘Cebolinha’ e Roberto Firmino. Os quatro eram os preferidos de Tite nos treinos. Se o atacante do PSG não puder jogar, será substituído por Everton Ribeiro, do Flamengo.

O ataque brasileiro que vai a campo contra os bolivianos é praticamente o mesmo que conquistou a Copa América de 2019, da qual Neymar esteve ausente. Isso se repete em outras posições. Na defesa, o veterano Thiago Silva fará dupla com Marquinhos. Sem Daniel Alves, Danilo entra na lateral direita e Renan Lodi, do Atlético de Madrid, fará sua estreia oficial na lateral esquerda.

No meio, Casemiro deve ter a companhia de Bruno Guimarães, que está em grande fase no Olympique de Lyon. Com Lodi, Guimarães e Cebolinha, o Brasil inicia uma leve renovação já pensando no Catar-2022. Weverton será o goleiro titular contra a Bolívia. Depois do confronto contra os bolivianos, o Brasil enfrentará o Peru em Lima na terça-feira.

Viagem tortuosa
A Bolívia do técnico César Farías não divulgou a lista de atletas que viajaram para São Paulo, mas confirmou que quatro jogadores permaneceram em La Paz para encarar a Argentina, na terça-feira: Boris Céspedes, Alejandro Chumacero, Jaumé Cuéllar e Marcelo Moreno. A equipe está cheia de jovens, apoiados por experientes como o goleiro Carlos Lampe e o artilheiro Carlos Saucedo.

Ficha técnica

Brasil
Weverton; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro, Bruno Guimarães, Philippe Coutinho, Neymar (Everton Ribeiro) e Everton ‘Cebolinha’; Roberto Firmino. Técnico: Tite

Bolívia
Carlos Lampe; Jesús Sagredo, José María Carrasco, Gabriel Valverde e José Sagredo; Carlos Áñez, Raúl Castro, Diego Wayar, Erwin Sánchez e Jhasmani Campos- Carlos Saucedo. Técnico: César Farías.

Local: estádio Neo Química Arena (São Paulo)
Horário: 21h30. Árbitro: Leodan González (URU)
Transmissão: Globo e SporTV

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui