O ator Eduardo Galvão morreu na noite desta segunda-feira (7), aos 58 anos, em decorrência de complicações causadas pela covid-19. A informação foi divulgada por amigos e familiares nas redes sociais.
Eduardo foi internado no fim de novembro em um hospital no Rio de Janeiro, onde seguiu para a UTI após ser diagnosticado com 50% dos pulmões comprometidos. O artista participou de dezenas de novelas ao longo da carreira, entre elas Apocalipse (2017), da Record TV, na qual deu vida a Alan Gudman. O último trabalho dele na televisão foi em Bom Sucesso, da TV Globo.
.